quinta-feira, 28 de junho de 2012

Liga proíbe empréstimos a clubes da mesma Divisão


A Liga Portuguesa de Futebol Profissional aprovou, esta quinta-feira, uma nova norma que visa impedir os empréstimos de jogadores entre clubes da mesma Divisão, para entrar em vigor já na época 2012/13. 
A decisão foi tomada na Assembleia-Geral extraordinária do organismo e resultou de uma iniciativa do Nacional da Madeira. O Sporting também tinha intenção de fazer uma proposta idêntica.
A revelação, de resto, veio da boca de Rui Alves, presidente do Nacional, que adiantou, à saída da reunião, que a proposta teve o voto favorável de 19 emblemas, uma abstenção e nove votos contra. 
Luís Duque, administrador da SAD do Sporting, congratulou-se com a decisão. «Vai dar mais transparência ao futebol português. Isto é algo que acontece, por exemplo, no campeonato inglês. O principio está aprovado. Caso apareça quem saiba contornar a regra, isso fica para o julgamento de quem segue o futebol», afirmou, em declarações reproduzidas pela Lusa, acrescentando que as equipas B justificam o fim dos empréstimos.
A Liga ainda não confirmou oficialmente esta proposta. Deverá fazê-lo mais tarde, entre as outras decisões desta reunião.

O Tinto é bom! Jornal Record no seu melhor!

É este o jornalismo que há em Portugal. Antes de criticarem a Sara Carbonero pela gaffe na entrevista a Iniesta deviam olhar para a preciosidade do jornalismo que fazem. Ficam as imagens.



Penaltis do Portugal-Espanha foram emissão mais vista da História


Os penaltis de jogo de ontem foram a emissão televisiva mais vista de sempre em Espanha.
Os treze minutos que duraram os penaltis da meia-final do Euro2012 de futebol entre Portugal e Espanha, realizada na quarta-feira à noite, foram a emissão televisiva mais vista da História em Espanha, com 18,141 milhões de telespetadores.
De acordo com dados avançados pela agência Kantar Media, o período do desempate por penaltis - que deram a vitória a Espanha por 4-2, após 0-0 ao fim de 120 minutos de jogo - obteve uma quota de 83,3%.
Os 90 minutos regulamentares do jogo propriamente dito - que em Espanha foi transmitido pelo canal Telecinco - tiveram uma audiência de 14,182 milhões de espanhóis, o que representa uma quota de 75,3% de quota da televisão.
O prolongamento de meia hora elevou a audiência para os 16,485 milhões - 77,1% de quota -, o que o torna na segunda emissão televisiva mais vista de sempre.
O minuto mais visto do jogo aconteceu às 23:26 (22:06 em Lisboa), quando 19,086 milhões de telespetadores estavam a ver o jogo, o que significa que o encontro conquistava 87,3% de quota.

3ª capa 11 Contra Onze


quarta-feira, 27 de junho de 2012

Acabou! Portugal está fora do Euro 2012


Portugal caiu no Euro 2012. Mas caiu de pé e só no desempate por grandes penalidades é que a Seleção Nacional foi eliminada do Europeu. Fabregas marcou o «penalty» que qualificou a Espanha para a final do Euro 2012.
Na marca dos onze metros, Portugal não teve a fortuna que o acompanhou no Euro 2004 e no Mundial 2006. Após um teimoso 0-0 no final do prolongamento, Rui Patrício até defendeu a primeira grande penalidade, de Xabi Alonso, mas João Moutinho, de seguida, permitiu a defesa de Casillas.
Bruno Alves atirou à trave na quarta grande penalidade. Fabregas não falhou e qualificou a Espanha para a final do Euro 2012, onde aguarda a Alemanha ou a Itália. Cristiano Ronaldo nem chegou a marcar...
Portugal nunca foi inferior à Espanha. Soube sofrer, soube aguentar o ímpeto atacante espanhol e só faltou alguma felicidade para chegar à final. Portugal fez um jogo igual a si próprio, ao contrário da Espanha e, por isso, a reação final de Ronaldo que pronunciou a palavra "injustiça".
Paulo Bento apostou na pressão alta para impedir o futebol apoiado de uma Espanha que incluiu Negredo na equipa titular. Uma opção que ninguém compreendeu. A Seleção Nacional foi um bloco coeso a defender, mas criou pouco perigo. 
A toada do jogo manteve-se na segunda parte. As entradas de Jesus Navas, Fabregas e Pedro Rodríguez tornaram a Espanha mais perigosa e Portugal só conseguiu responder nos livres de Cristiano Ronaldo.
A melhor ocasião de golo surgiu no prolongamento, com Rui Patrício a negar o golo a Iniesta, Na segunda parte do tempo extra, o guarda-redes português voltou a negar o golo espanhol, desta vez a Jesus Navas.
A lotaria das grandes penalidades não saiu a Portugal. A Seleção Nacional está fora do Euro 2012, mas sai pela porta grande.
De destacar desde já o grande jogo de Moutinho, Pepe e Coentrão e os 120 minutos de porrada por parte de Bruno Alves.

Homem do jogo do lado de Portugal: Moutinho. Jogou que se fartou. Foi pena não marcar a grande penalidade.

terça-feira, 26 de junho de 2012

Platini para a rua

A moda dos animais adivinhos pegou nas grandes competições. Este ano já tivemos polvos, vacas, galinhas, elefantes e... platinis. Este último prevê mais a longo prazo ("a final será entre Espanha e Alemanha").
Platini deveria ser menos descarado nas escolhas que faz. O artista que tirou o Benfica da Liga dos Campeões na época 2011/2012 prepara-se agora para tirar Portugal do Euro 2012. A nomeação do árbitro turco Cuneyt Çakir não foi inocente. A estratégia de manter a equipa de arbitragem portuguesa para uma possível final também não o foi, porque Proença ao arbitrar a final significa a eliminação de Portugal frente à Espanha. Enquanto Platini não abandonar o cargo a verdade desportiva estará sempre em causa.


Paulo Lopes, guarda redes do Feirense, no Benfica


Guarda-redes de 33 anos do Feirense vai substituir Eduardo no plantel principal do Benfica. "Trio" de guardiões das balizas da Luz fica fechado.
Paulo Lopes assinou por dois anos pelo Benfica
O guarda-redes português Paulo Lopes, de 33 anos, assinou um contrato válido até 2014 com o Benfica.
Proveniente do Feirense, o veterano guarda-redes tem a seu favor o fato de ser formado no Benfica, algo precioso para a inscrição de jogadores nas competições europeias, bem como a nível interno.
Paulo Lopes chega à Luz a custo zero, depois de terminado o vínculo que o ligava ao Feirense, e vai substituir o compatriota Eduardo. O internacional português, contudo, não regressará ao Génova, uma vez que se vai juntar a Carlos Carvalhal no Istambul BB.
Estão, assim, definidos os três guarda-redes do Benfica para a época 2012/13: Artur Moraes, Paulo Lopes e Mika, sendo que este último poderá atuar na equipa B.

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Volta a Portugal 2012 (de 15 a 26 de Agosto)


Em 2012, a Volta a Portugal em bicicleta vai contar com quatro equipas portuguesas (mais a seleção nacional) e com 12 equipas estrangeiras.

As equipas portuguesas são:
Carmin-Prio
Efapel-Glassdrive 
LA-Antarte
Onda Boavista.

Quanto às estrangeiras:
Andalucia (Espanha)
Andalucia-Coldeportes (Colômbia)
Caja Rural (Espanha)
Saur-Sojasun (França)
Unitedhealthcare (Estados Unidos)
Funvic-Pindamonhangaba (Brasil)
Orbea (Espanha)
Burgos BH.Castilla y Leon (Espanha)
Itera-Katusha (Rússia)
Lokosphinx (Rússia)
Team Bonitas (África do Sul) 
MTN QHUBEKA (África do Sul).

Pablo Aimar na rota do Manchester United


Aos 32 anos, Pablo Aimar continua a ser um alvo apetecível. Depois de ser apontado ao Valência e ao River Plate, o médio argentino do Benfica surge agora na rota do Manchester United.
Segundo noticia o site caughtoffside, Alex Ferguson é um profundo admirador das qualidades de el mago e pondera seriamente levar o talentoso jogador para Old Trafford, palco onde o argentino apontou o golo do empate (2-2) das águias com a equipa inglesa, na fase de grupos da última edição da Champions.
De acordo com a mesma fonte, os red devils poderão fazer chegar à SAD encarnada uma proposta de cinco milhões de euros por Aimar, que teria à sua espera um contrato de dois anos.
O número dez está vinculado às águias até 2013, com uma cláusula de rescisão de 20 milhões de euros.
O Manchester United tem andado à deriva e Pablo Aimar tinha de caras lugar no onze inicial da equipa inglesa. No entanto, esta é mais uma notícia que faz vender papel e o objetivo pode ser mesmo esse, vender papel.
É curioso ver os nomes dos jogadores do Benfica envolvidos em transferências para os principais emblemas do futebol europeu. No passado, nos primeiros dias do mercado de Verão, tudo o que mexia vinha para o Benfica. Agora, todos querem os jogadores que são do Benfica. No meio disto tudo, pelo menos a história mudou.

Sporting prepara-se para mais um mau negócio


A Imprensa francesa noticia que Sporting e Saint Etienne intensificaram negociações com vista à transferência de Gelson Fernandes para Alvalade.
O clube francês terá recusado com a possibilidade de ficar Sinama-Pongolle, avançado que mantém vínculo com o Sporting, pelo que, segundo o portal Mercato365, os leões terão ainda sugerido o médio Adrien Silva para uma eventual transação. O Saint Etienne insiste, porém, em receber, pelo menos, um milhão de euros pelo jogador de 25 anos.
Segundo a mesma fonte, o Sporting tem para oferecer um contrato de três anos e um salário anual de 850 mil euros para o internacional suíço de origem cabo-verdiana.
Gelson Fernandes, que na última época jogou por empréstimo nos italianos da Udinese, tem mais um ano de contrato e está a tentar a desvincular-se do Saint Etienne, pelo que o assunto, segundo A BOLA apurou, não é prioritário para o Sporting, que procura alternativas para o caso de o emblema francês não libertar o jogador.
Adrien esteve em evidência na última temporada ao serviço da Académica de Coimbra onde conquistou a Taça de Portugal precisamente frente ao Sporting. Adrien mostrou ter potencial para lutar por um lugar no onze leonino mas as declarações que o jogador fez na altura não caíram bem em Alvalade, pelo que uma nova cedência do jogador poderá acontecer. O Sporting mostra cada vez mais uma enorme fragilidade em lidar com este tipo de situações, sendo os últimos casos os de Miguel Veloso, João Moutinho e Yannick Djaló.

A frente de ataque da águia


Se há setor com que o treinador do Benfica não precisa de se preocupar é o ataque, face ao elevado número de jogadores de características ofensivas que tem à sua disposição, naturalmente sujeitos a uma filtragem para a próxima época, dado não haver lugar para todos no plantel. O leque de escolha é, contudo, impressionante.
Desde a época passada transitam, pelo menos para já, Cardozo, Rodrigo, Nélson Oliveira, Saviola, Gaitán, Nolito, Bruno César, Yannick e Pablo Aimar (médio ofensivo por vezes utilizado na posição de segundo avançado). 
A estes nomes juntam-se os reforços já assegurados: Hugo Vieira (Gil Vicente), Michel (Paços de Ferreira), Ola John (Twente), Djaniny (UD Leiria, contratado em janeiro), e Derlis González (Rubio Ñu), embora estes dois últimos devam ser integrados na equipa B, mesmo não estando descartada a hipótese de se mostrarem na pré-época.
Há ainda o lote de atacantes que regressam de empréstimo, alguns dos quais podem conseguir um lugar no grupo encarnado em 2012/13. É o caso de Melgarejo, que deu nas vistas ao serviço do Paços de Ferreira. Mas há também Jara (Granada), Rodrigo Mora (Peñarol), Enzo Pérez (Estudiantes), Kardec (Santos), Urreta (V. Guimarães), José Luis Fernández (Estudiantes) e Yartey (Servette). Um total de 22 nomes!

quinta-feira, 21 de junho de 2012

Éder Luís, Felipe Bastos e Wass Vendidos

O Benfica começou a arrumar a casa e vendeu 3 dos seus jogadores que tinham contrato e que estavam emprestados. Os brasileiros Éder Luís e Felipe Bastos estavam emprestados ao Vasco da Gama enquanto o defesa direito dinamarquês, Wass, estava emprestado ao Évian de França. O Benfica encaixa assim uma verba a rondar os 5 Milhões de euros, de acordo com a imprensa, pois os valores ainda não foram confirmados.


Éder Luís
Idade: 27 anos (19 Abril de 1975)
Custou: 2 milhões de euros (50% do passe)


Vendidos por: 3 Milhões de euros

Felipe Bastos
Idade: 22 anos (1 Fevereiro de 1990)
Custou: 154 mil euros

Wass
Idade: 23 anos (31 Maio de 1989)
Custou: 0

Vendido por: 2 Milhões de euros



terça-feira, 19 de junho de 2012

Cristiano Ronaldo ganha 92 mil euros por dia


O jogador português recebe mais dinheiro fora dos relvados do que no Real Madrid e na seleção nacional. Ao fim de um ano a conta bancária chega aos 33 milhões de euros.

Cristiano Ronaldo com Bota de Ouro (2011)
São números quase inacreditáveis. Segundo a revista norte-americana 'Forbes', Cristiano Ronaldo é o segundo jogador de futebol mais rico do planeta, superado apenas por David Beckham.
A publicação informa que o português recebeu no último ano quase 33,7 milhões de euros no total, o que se traduz num lucro de 92.300 euros... por dia.
O extremo recebe mais dinheiro fora dos relvados do que no Real Madrid e na seleção nacional. São 16,3 milhões de euros em ordenado e prémios de jogo, o que equivale a uma média de 44.500 euros por dia.
Já no que diz respeito a contratos de publicidade - Nike, Castrol, Konami, entre outras - Ronaldo auferiu aproximadamente 17,4 milhões (47.800 euros diários).
A revista destaca ainda o facto de o madeirense ser o jogador de futebol com o salário mais elevado em todo o planeta. Beckham, por exemplo, aparece na lista com um total de 36,4 milhões de euros, mas "apenas" 7 milhões foram conseguidos no seu clube, o Los Angeles Galaxy. Os restantes 29 milhões de euros foram obtidos fora dos campos.
Por curiosidade, no extremo oposto está o desportista mais bem pago, Floyd Mayweather, que recebeu a totalidade dos seus 67 milhões de euros em apenas dois combates, frente a Victor Ortiz e Miguel Cotto. Os "extras" renderam zero. Nem precisa.

domingo, 17 de junho de 2012

Estás perdoado Ronaldo!


Cristiano Ronaldo foi demolidor e assinou dois golos, que deram o triunfo a Portugal frente à Holanda (2-1). Agora a Seleção Nacional tem encontro marcado com a República Checa. Dia de festa para o nosso país!

quinta-feira, 14 de junho de 2012

A frente de ataque de Portugal (Nani, Ronaldo e Postiga)


Quando Manuel José veio a público dizer que o ambiente que rodeava a seleção parecia um circo, não só acertou em cheio como também mostrou a sua frustração de não ser seleccionador nacional. O ambiente em torno da selecção é uma palhaçada. Reparem nos comentadores da sic. Aquilo é uma tristeza. Fizeram do Nani um herói, um salvador da pátria. Fizeram dele o melhor jogador em campo. Mas será que eles viram o mesmo jogo que eu? O Nani tanto no jogo contra a Alemanha como no jogo contra a Dinamarca não jogou nada. Faz-me lembrar o Geovanni (o soneca) que passava o jogo todo a dormir e quando acordava fazia uma assistência para golo. O Nani é a mesma coisa. É um jogador que joga 10 minutos e a correr bem.

Depois do outro lado do campo temos Ronaldo, uma máquina a fazer golos… pelo Real Madrid, mas pela seleção tem uma quebra psicológica que ninguém entende. Vive na sombra de Messi e isso nota-se nos jogos que está a fazer e nas tristes declarações que faz. Esteve muito abaixo das suas qualidades no jogo contra a Alemanha e contra a Dinamarca foi o pior em campo. Quando perde uma bola tem a mania e vira as costas à bola. Não corre atrás dela para a recuperar, estando sempre à espera que os seus companheiros façam isso por ele. Não mostra raça. A camisola pesa-lhe muito. Uma nódoa.

Na frente de ataque temos… o Postiga, que se enganou e até marcou neste jogo (o Manuel José nesta altura deve estar a pensar “O quê? Postiga marcou? Eu não disse que aquilo parecia um circo?”). Postiga parece não convencer os portugueses. Um perdulário em frente à baliza, mas nem tanto como Ronaldo.

quarta-feira, 13 de junho de 2012

Dinamarca 2-3 Portugal :: Milagre de Santo António?


Portugal venceu a Dinamarca, esta quarta-feira, por 3-2, em Lviv, na 2ª jornada do grupo B. Um golo do suplente Varela, aos 87 minutos, salvou a Seleção Nacional, depois de Portugal desperdiçar uma vantagem de 2-0.


Foi um jogo de emoções fortes em Lviv. Portugal esteve a vencer por 2-0, mas dois golos de Bendtner empataram a partida e deixaram a equipa das quinas com um pé fora do Euro. Aqui apareceu Silvestre Varela que redimiu-se da oportunidade falhada contra a Alemanha e marcou o golo da vitória.



Paulo Bento apostou na mesma equipa que perdeu com a Alemanha e não se arrependeu. O central Pepe abriu o caminho ao triunfo, com um golo fulgurante de cabeça, após canto de Moutinho. Dez minutos depois, Nani descobriu Postiga e o avançado, dos mais criticados na equipa, fez o 2-0.



Tudo corria de feição a Portugal, mas um erro defensivo deixou Krohn-Dehli sozinho na área e Bendtner só teve de encostar.



A segunda parte foi equilibrada, mas com as melhores oportunidades a caírem para o lado luso. Mas não foi o jogo de CR7. O avançado do Real Madrid falhou dois golos isolado na cara de Andersen, o segundo um minuto antes do empate de Bendtner. Foi uma completa nódoa. Não defendia e quando atacava era um desastre. Era preciso tomates para o substituir e Paulo Bento não os tinha.



O golo de Varela acabou por salvar Portugal e o próprio Cristiano Ronaldo. A Seleção continua viva no Euro 2012 e irá discutir o apuramento para os quartos-de-final no domingo contra a Holanda.

Foi uma exibição sofrida e em alguns momentos do jogo a equipa esteve perdida.


Notas:
O melhor: Pepe
O pior: C. Ronaldo

Benfica 2012 - 2013 : EQUIPAMENTOS

Equipamento alternativo: 
A cor do equipamento alternativo voltou a mudar. Será preto com uma faixa horizontal encarnada no peito e outros detalhes da mesma cor. Na última vez que o Benfica apresentou um equipamento negro foi campeão.



Equipamento principal:
A cor do equipamento principal será o vermelho e branco. Este ano perdeu os detalhes em dourado. Voltou  ao estilo mais clássico com o colarinho branco.

De realçar ainda que o emblema deixa de ser bordado e passa a ser estampado com contorno a uma linha branca. O fundo branco do emblema também saiu.
Na parte de trás estará presente o lema do clube: E PLURIBUS UNUM.




terça-feira, 5 de junho de 2012

Portugal é a selecção que mais dinheiro esbanja

Portugal gasta 33.174 euros por dia apenas na estadia, mais de 7 vezes mais que a campeã da Europa e do 
Mundo - Espanha. Um valor astronómico para uma selecção que pouco valor tem mostrado como equipa.


Portugal é a selecção que mais dinheiro gasta em hotéis.



C. Ronaldo é o jogador mais valioso do Euro 2012. Nani é o 17º

Cristiano Ronaldo é, sem surpresas, o jogador mais valioso entre todos os que estão presentes no Euro 2012. Em segundo lugar aparece o espanhol Andrés Iniesta. A conclusão é de uma empresa especializada brasileira, a Pluri Consultoria, que coloca também Nani entre os 20 mais valiosos.
A empresa fez as contas aos jogadores e, no relatório que efetuou a propósito do Europeu, considera que as 16 seleções que disputam a prova possuem plantéis que, somados, valem 3,8 mil milhões de euros. Sendo que 25 por cento do total (885 milhões) é o valor somado dos 20 jogadores mais valiosos.
Cristiano Ronaldo vale 90 milhões de euros, seguido, de muito longe, por Iniesta (67 milhões) e pelo inglês Wayne Rooney (65 milhões). Nani, o 17.º, vale 33 milhões.
Portugal é a seleção com maior concentração de valor entre os três principais jogadores. Juntos, Cristiano Ronaldo, Nani e Pepe têm valor de mercado equivalente a 45 por cento do valor total do plantel.

Entre os 20 mais valiosos, destacam-se nove espanhóis, com valor de mercado somado de 381 milhões. Muito atrás estão empatados Portugal, Holanda, Alemanha e França, cada uma com dois jogadores.
Considerando os clubes em que atuam os 20 jogadores mais valiosos, a liderança também é espanhola. O Barcelona possui cinco jogadores com valor de mercado de 236 milhões, seguido pelo Real Madrid, com três jogadores que valem 162 milhões. Em seguida aparece o Bayern de Munique, também com três jogadores avaliados em 124 milhões.
O top 20 dos jogadores mais caros: